Grandes esperanças

Sonho 12/04/2020

Sonhado no domingo de páscoa em minha casa de praia em Florianópolis.

Estava eu em um evento de grandes proporções. Muitas pessoas conhecidas, amigos, familiares e amores… Haviam vários galpões grandes. Serviram-nos muitos tipos de comida. Havia música e comida à vontade. Após poucos minutos do início desse evento, senti uma forte dor de barriga decorrente de algo estranho que havia comido, ao procurar o banheiro, constatei que um dos enormes galpões que havia no local era exclusivo de banheiros. Na verdade eram apenas cadeiras com buracos abertos no chão, coletivos, centenas um ao lado do outro. Achei muito estranho, entrei e escolhi um assento para fazer o número 2. Eu era o único até então no imenso local. Poucos instantes após, entrou um homem apurado e sentou próximo de mim. Ele parecia com uma dor de barriga ainda mais forte que a minha. A partir daí, não parou de entrar pessoas… Homens e mulheres todos apurados, foram centenas de pessoas. O local ficou espantosamente cheio em minutos.

Em determinado momento, parecia que todos estavam no mesmo lugar. Foi quando subitamente houve um apagão e tudo ficou às escuras. As portas do galpão não abriam do lado de dentro e estávamos todos trancados.

Pessoas começaram a gritar, chutar inutilmente na tentativa de abrir as portas que eram muito fortes do local. Mulheres começaram a gritar e chorar, os homens gritavam uns com os outros. Após vários minutos voltou meia luz e já não era tão escuro. Havia mal cheiro no local, pessoas irritadas e histéricas.

Passaram-se horas até que ouvimos uma voz vinda do sistema de som local. Palavras de ordem diziam-nos para nos manter calmos até que todos as pessoas fossem testadas, pois éramos suspeitos de uma contaminação. Para a surpresa de todos, eles leram um relatório citando os nomes de todos os presentes confirmando infecção por covid!

Pediram para todos se manterem calmos até encontrarem uma solução, mas pra isso não podiam sair daquele local, necessitando de confinamento até segunda ordem.

Bom, não demorou nem 30 minutos e as pessoas uma a uma começaram a passar mal, vomitavam, tossiam e se jogavam no chão. Um clima de histeria e descontrole tomou conta do local que naquele instante mais parecia um estábulo. Eu apenas observava que tudo ao redor era caos e com todos ali trancados não havia mais nada a fazer senão esperar algo acontecer. Tive a ideia de perguntar a todos: Quantos aqui são terapeutas? Quantos aqui conhecem as Escrituras e sabem sobre o sistema?

Foi então que uma meia-dúzia levantou a mão e nos reunimos. Decidimos conversar com o grande grupo que estava ali presente dizendo pra eles não acreditarem no que falavam nos altofalantes, pois o tempo todo palavras de ordem causavam mais pânico que ordem nas pessoas. Fizemos um grande trabalho bem difícil de ir falando a pequenos grupos de pessoas que não se entregassem pois ninguém estava gravemente doente, não passava de uma dor de barriga. Mas estranhamente víamos homens e mulheres em verdadeiro desespero ao nosso redor. Uns caídos, inconscientes, choravam, gritavam, um real pandemônio.

Começou um empurra-empurra e nada mais que falássemos adiantava. As pessoas estavam cansadas, aflitas e agressivas.

Eu não sabia mais o que fazer então orei intensamente Ao Criador e ao Mestre Jesus para me livrar daquela situação.

Acordei com minha sobrinha batendo à minha porta pedindo para eu descer para tomar café da manhã.

Sim. Aconteceu hoje, domingo de páscoa. Nesse momento em que escrevo estou ouvindo “high hopes” do Pink Floyd. Nessas horas me pego a considerar com Reverência o Grande Sistema, imperfeito e perfeito ao mesmo tempo ao qual somos todos manietados.

High Hopes (Traducão)

Grandes Esperanças

Além do horizonte do lugar em que vivíamos quando éramos jovens

Em um mundo de ímãs e milagres

Nossos pensamentos vagavam constantemente sem limites

O soar do sino da divisão começou

Ao longo da Grande Estrada e de sua calçada

Será que eles ainda se encontram naquele lugar desconhecido?

Havia um bando de maltrapilhos que seguiram nossos passos

Correndo antes que o tempo tomasse nossos sonhos

Deixando as pequenas criaturas inumeráveis tentando nos amarrar ao chão

Para uma vida consumida pela lenta decadência

A grama era mais verde

A luz era mais brilhante

Rodeado pelos amigos

As noites maravilhosas

Olhando além das cinzas de pontes resplandecendo atrás de nós

Um relance do quão verde era do outro lado

Passos rumo ao progresso são tomados, mas em seguida regredimos novamente

Arrastados pela força de alguma maré interior

Em grande altitude com a bandeira desfraldada

Alcançamos às rarefeitas alturas daquele mundo tão sonhado

Sobrecarregados para sempre por desejo e ambição

Há uma fome ainda não saciada

Nossos olhos cansados ainda se perdem pelo horizonte

Embora passemos por esta estrada tantas vezes

A grama era mais verde

A luz era mais brilhante

O sabor era mais doce

As noites maravilhosas

Rodeado pelos amigos

A brilhante névoa do amanhecer

A água correndo

O rio sem fim

Para sempre e sempre

Vivemos imersos na mais perfeita ilusão e no mais profundo sono. A Terra é um PLANO de estratégias de inteligências ardilosas e só um firme caráter reto com O Criador e O Messias pode nos livrar de perecer por mais séculos ou milênios sob o jugo daqueles que ingenuamente chamamos de deuses e oferecemos nosso poder.

Finalizo lhes dizendo que esse sonho foi muito vívido e lembro com grande clareza. Justo no momento que passamos, justo na Páscoa, só agradeço Ao Pai por desperto ser e poder compartilhar com vocês meus humildes insights.

Muita paz, coragem e fé a todos 🙏🏻✨

Rodrigo Kladwan

2 comentários em “Grandes esperanças

Adicione o seu

  1. Então Rodrigo, muito interessante teu sonho, principalmente as tuas últimas colocações sobre esta grande Matrix que aprisiona os seres humanos em suas ilusões, medos e terror. Só que quem “acorda” ou toma consciência desta enorme manipulação pode escapar, como vc bem diz, não acreditando na realidade da Matrix. Mas este passo ainda não é suficiente, precisamos manter sintonia e conexão com o estado desperto, onde nenhum mal nos poderá atingir.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: