Mesmo nos últimos fios de esperança…

Irmãos,

Quando parecer próxima a vitória das Trevas e da ignorância sobre a Luz dos que sonham;

Quando parecer inútil a luta pela paz por se haverem esgotados os esforços para esse fim;

Quando o desentendimento entre as Nações superar o clímax do desespero;

Quando estilhaços da violência atingirem os que trabalham na direção do bem;

Quando os horrores da destruição imprimirem nas criaturas as marcas do desânimo;

Quando o som das trombetas de guerra retumbarem nos corações amargurados;

Quando a devastação das lavouras pelas pragas consumirem os últimos fios de esperança; ainda havereis de ter fé pois será chegada a hora em que arrebataremos aqueles que forem escolhidos pois eis que eles próprios escolheram o caminho que os levaram até nós.

Arfat.

Habitante de Stelta, uma cidade intraterrestre. G.E.R. Vitória/ES.

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s