A libertação da Terra

Visitamos também nosso Planeta de origem…

A Doutrina dos Espíritos é fonte extraordinária de conhecimento e libertação; somente aquele que não consegue despir-se dos antagonismos às Leis Divinas, não a reconhece.

Tratar de Mundos Superiores, revelando a humanidade que existem outros Mundos mais adiantados que a Terra e que lá habitam seres inteligentes e elevados moral e espiritualmente, é sabedoria avançada que a ciência terrena ainda não alcançou.

Nessa compreensão e aceitação dos diversos mundos habitados, crer-se-á na presença de seres fora da Terra e que eles vem em auxílio desta humanidade, em trabalho ou visita. Trazem tecnologia avançada, utilizando-a em vosso favor. Alcançarão, também, os terrestres, a compreensão de que muitos destes seres extraterrenos reencarnam na Terra para dar impulso moral, espiritual, científico à humanidade atrasada.

Tudo isso, a Doutrina dos Espíritos revela; mas, somente aqueles que "tem olhos de ver" enxergam e aqueles que possuem fé, aceitam.

A Terra, planeta de categoria ainda atrasada na evolução dos mundos, deseja progredir. Iniciou o processo de abandono das dimensões inferiores, para nascer em dimensão superior, mudando sua categoria na classificação dos Mundos.

Acreditar ou não, já não importa, pois não há tempo para convencer os incrédulos. Porém, vibrante e suave luz já é notada em alguns pontos do plano invisível, longe das camadas densas do astral inferior, onde já desponta a nova Terra. O Planeta, sentindo o novo pulsar, acelera em livrar-se da roupa desgastada e suja. Incrédulos ou não, todos sentirão seus repuxos e agitos para limpar-se.

Crer em Jesus e praticar Suas Lições, agindo assim, compreenderemos que somente este é o caminho da libertação.

Salve Jesus, o Libertador das almas.

Ele continua:

Ao libertar-se do corpo físico o espírito toma conhecimento de si mesmo, e se já vislumbrou a luz, imensurável mundo de oportunidades abrir-se-á a sua visão. Aproveitando-as, o espírito torna-se fulgurante; mas, de todas as lições, a maior é saber amar.

Amor, sentimento universal que liberta.

Os planos inferiores serão os últimos pontos da Terra a desprender-se desta dimensão, pois sendo mais denso e mais pesado vibratoriamente, deverá ser transmutado em sua constituição, para deixar de existir na dimensão inferior e passar para a imediatamente superior.

Após o descenso visitamos planos superiores e ali nos deslumbramos.

Visitamos também nosso "Planeta de origem" e depois retornamos para aqui permanecer, trabalhando ao lado do Cristo para a libertação do lindo Planeta, a Terra, que nos conquistou a alma.

Fomos aos planos inferiores e ali notamos a real situação do espírito que permanece em constante rebeldia.

Luz e trevas habitam o mesmo Planeta e também o íntimo de todos os filhos de Deus; e no transcurso das inúmeras encarnações, a alma abandonará as trevas e viverá eterna, na Luz.

Jesus nos abençoe.

Monteiro Lobato

(JT*)

GESH – 25/06/2010 – Vitória, ES – Brasil

*JT = pseudônimo de Jeca Tatu

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s